A dependência econômica de um salário ou rendimentos de uma empresa, sob constante pressão e incertezas certamente desestimula muitas mentes criativas e trabalhadoras.

A guinada que o mercado deu, como ele tem ficado complexo e diverso pode ser um grande apontador de que chance de empreender fica mais acessível e se torna uma opção real e racional.

Separamos cinco bons motivos para dar esse passo adiante;

 

1 -Liberdade 

 

A lógica do trabalho restrito à um ambiente apenas já não é moderna para muitas modalidades.

É possível tomar importantes decisões e fechar negociações do sofá de sua casa, através de seu computador ou aparelho celular, acompanhar tudo em tempo real.

Você pode determinar um período só seu para descanso ou pode, no meio de outras atividades, continuar trabalhando com a mente sobre todos os aspectos gerais de seu empreendimento.

Transcender o modelo de banco de horas acaba sendo mais produtivo pois você poderá se dedicar em momento de concentração e quando tiver grandes insights.

 

 

2 -Possibilidade de crescimento 

Depender de salário e lucros incertos sobre investimentos de terceiros limita sua projeção econômica.

Quando você mesmo está sobre controle dos movimentos que fará, tem mais oportunidades de se planejar com segurança e, já que não está terceirizando as responsabilidades desse empreendimento, estará muito mais comprometido, de corpo e alma, com todos os processos e frutos de seu trabalho, sem se sentir expropriado ou negligenciado de suas competências.

Todo crescimento empreendido será uma questão de mérito, e nada mais recompensador do que poder olhar de perto os processos, erros e acertos que o levaram até aí. Isso humaniza seu trabalho, faz muito bem para a autoestima e causa bons gestos que podem ser exemplos para outras pessoas ao seu redor.

 

3- Saúde física e mental
 
Quando sua qualidade de vida melhora, você pode sentir ao seu redor os resultados.

Ter qualidade de vida é uma troca de dentro para fora e vice-versa, com mais autoestima, você lidará melhor com outras instâncias de sua vida particular e social, e os benefícios disso tudo sempre se multiplicam.

Muitos regimes de trabalho são rigorosos, mas pouco recompensadores no aspecto pessoal.

O estresse está ligado com muitas doenças modernas graves. Distúrbios psíquicos podem acometer até as pessoas mais resilentes – ninguém é imune à grandes cargas de estresse.

O ritmo de ser empregado também tem grandes chances de afetar sua saúde física, fora os reflexos psicossomáticos do estresse, muitas vezes acabamos não conseguindo nos alimentar adequadamente e encontramos em substâncias um rápido gatilho contra esse estresse, no tabaco, da bebida, no açúcar. É comum que, quanto menos tempo tenhamos para refletir sobre nossos gestos, mais automaticamente optemos pelo mais prático alívio, que pode nos custar a saúde posteriormente.

Viver bem está ligado com todas as etapas do que fazemos e sobre como fazemos. A influência de nossos sentimentos e nosso ambiente é inegável na saúde física. Muitos trabalhos também submetem o corpo à situações extremas de esforço ou sedentarismo sem intervalos adequados para alongamentos ou descanso.
Poder se programar sobre tudo será um passo fundamental, já que o trabalho é a atividade da qual dispendemos uma parte importante de nossas vidas.

 

4 – Controle de seu tempo 

Todas as atividades requerem tempo, aquelas pela saúde e bem-estar, mais ainda.

A regularidade e constância é uma chave da vida equilibrada, não adianta exercitar-se agressivamente à cada longo período de tempo nem comer bem um só dia da semana ou estar com a família apenas durante as férias, ler apenas antes de dormir, ver os amigos apenas no primeiro sábado do mês.

Certamente que um trabalho baseado em banco de horas irá restringir todos esses afazeres e colocar etiquetas de hora nas coisas que você quer e precisa fazer na vida. Sentir-se escravo do relógio afeta a forma como se vive de mais formas do que imaginamos.

Nos dias de hoje, onde 24 horas não bastam, administrar seu tempo é um imperativo!

 

5- Amor pelo seu negócio
 
Uma das coisas que move a vida são nossas paixões.

A vontade de fazer algo, o carinho em imaginar e maturar uma ideia, um projeto, nos engaja com atividades que nos causam prazer e, através dos afetos positivos, nos ajuda a perceber como a vida é longa, feita de processos e necessita de um equilíbrio. Essa talvez seja uma definição genuína do que é amadurecer.

Amadurecer através de afetos bons, positivos, é um grande privilégio.

Quando tudo isso está condicionado com a forma como sobrevivemos, aliás! Quando se ama aquilo que se faz para ganhar a vida, você deixa de sobreviver, sua vida deixa de ser uma sobrevida e aquilo que você faz da vida se torna seu estilo de vida.

 

Comece seu empreendimento através daquilo que você ama! O portal Vinhos e Cerveja em Casa da Indupropil possui toda a linha para você começar de imediato com sua produção de bebidas artesanais, além de trazer diversas dicas e reflexões sobre a cultura desse meio, acesse!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *